Piercing íntimo: saiba tudo sobre ele!

-

Curitiba, 14 de agosto de 2023, escrito por Gilson Rodrigues. Se você tem ou quer fazer um piercing íntimo, é provável que tenha algumas dúvidas sobre este assunto. Por isso, no artigo de hoje, iremos esclarecer tudo a esse respeito.

Quando pensamos em expressão pessoal e estilos únicos, é inevitável não falar sobre o mundo fascinante dos piercings.

Mas, um tipo de piercing que tem ganhado cada vez mais destaque é o piercing íntimo. Embora essa forma de adorno possa ser um pouco mais controversa, devido à sua natureza sensível e privada, há uma série de benefícios, cuidados e aspectos únicos relacionados a eles que valem a pena explorar.

Por isso, no artigo de hoje, iremos falar tudo o que você precisa saber sobre o piercing íntimo, de modo a dissipar quaisquer mitos e mal-entendidos que possam existir.

Quais são os principais tipos de piercing íntimo?

Seja você um aventureiro do mundo dos piercings ou apenas alguém curioso, é interessante lembrar que o termo “piercing íntimo” engloba vários tipos diferentes de piercings, tanto para homens quanto para mulheres.

Cada tipo tem suas particularidades e encantos, e a escolha ideal depende do gosto pessoal, conforto e estilo de vida de cada um.

Então, para que você entenda melhor sobre o assunto, abaixo iremos falar sobre os principais tipos de piercing íntimo.

Piercing no mamilo

O piercing no mamilo é um tipo comum tanto para homens quanto para mulheres. Trata-se de um modelo do qual você pode adornar de diversas formas, desde anéis simples até joias mais elaboradas.

Porém, devemos lembrar que a cicatrização desse piercing pode demorar um pouco mais, exigindo cuidados especiais para evitar infecções.

Piercing no capuz do clitóris

Exclusivo para mulheres, o piercing no capuz do clitóris se tornou bastante popular devido ao potencial de incrementar a estimulação sexual.

No entanto, por ser um piercing íntimo mais sensível, é essencial que apenas um profissional em aplicação desse tipo faça o trabalho, até mesmo para evitar qualquer dano à região sensível.

Piercing no freio

Muito popular entre os homens, o piercing no freio (ou frenulum) é colocado na parte inferior da cabeça do pênis.

Esse tipo de piercing tem cicatrização rápida, mas exige atenção aos cuidados pós-perfuração para evitar complicações.

Piercing Christina

O piercing Christina é uma opção exclusiva para mulheres, posicionado onde as dobras dos grandes lábios se encontram, na parte inferior do monte de Vênus.

Embora não ofereça estímulo sexual, é uma escolha estética atraente para muitas mulheres.

Escolher um piercing íntimo pode ser uma decisão excitante e pessoal. Porém, é fundamental pesquisar bastante e procurar profissionais de confiança antes de decidir dar esse passo.

E o mais importante, faça o que faz você se sentir confortável e autêntico! O piercing íntimo é, afinal, uma maneira de expressar sua individualidade e personalidade.

Quais são os cuidados que preciso ter ao colocar um piercing íntimo?

Depois de dar o grande passo de fazer um piercing íntimo, é fundamental seguir cuidadosamente as recomendações pós-procedimento para garantir uma cicatrização adequada e prevenir possíveis complicações.

Ao final da aplicação, o profissional deve indicar quais são esses cuidados. Mas, de uma forma geral, eles consistem em:

Limpeza rigorosa

O primeiro passo no cuidado pós-piercing é a limpeza rigorosa. Evite tocar na área sem lavar as mãos primeiro, para prevenir a introdução de germes e bactérias.

Lave a área do piercing com água e sabão neutro pelo menos duas vezes ao dia. Além disso, você pode usar uma solução salina para limpar a área e acelerar a cicatrização.

Evite contato sexual

Pode ser um pouco desanimador, mas é recomendável evitar qualquer atividade sexual durante as primeiras semanas após a colocação do piercing íntimo.

O contato sexual pode causar irritação e potencialmente introduzir bactérias que poderiam levar a uma infecção.

Roupas adequadas

Usar roupas adequadas pode fazer uma grande diferença no processo de cicatrização do piercing íntimo.

Roupas apertadas ou de tecidos ásperos podem irritar a área perfurada e retardar o processo de cicatrização.

Opte por roupas íntimas de algodão, que são mais respiráveis, e evite roupas apertadas até que o piercing esteja totalmente curado.

Consulte um profissional

Em caso de qualquer sinal de infecção, como vermelhidão, inchaço excessivo, dor ou secreção incomum, não hesite em procurar um profissional. Piercings íntimos são delicados e é melhor errar pelo lado da cautela.

Cuidar de um piercing íntimo é um processo contínuo que requer atenção e dedicação. Siga todas essas dicas para ajudar a garantir uma recuperação suave e aproveitar ao máximo seu novo adorno corporal.

Quais são os possíveis riscos de um piercing íntimo

Assim como qualquer outra forma de modificação corporal, seja uma tatuagem ou um piercing, existem alguns riscos associados.

Quando falamos de piercings íntimos, esses riscos podem ser um pouco mais sérios devido à sensibilidade da área.

Isso quer dizer que você deve ficar atento a todos esses possíveis riscos, até mesmo para procurar um profissional a qualquer sinal de complicações.

Então, nos parágrafos seguintes, vamos falar um pouco mais sobre os principais riscos que você deve estar ciente antes de decidir fazer um piercing íntimo.

Infecções

Um dos maiores riscos ao fazer um piercing íntimo é a possibilidade de infecção. Afinal de contas, as áreas genitais são particularmente suscetíveis a bactérias, devido à proximidade com a urina e as fezes.

Uma higiene rigorosa e cuidados pós-procedimento adequados são essenciais para minimizar este risco.

Danos nervosos

Alguns piercings íntimos, especialmente aqueles que atravessam tecidos mais sensíveis, como o capuz do clitóris ou o freio do pênis, podem potencialmente causar danos aos nervos se não forem feitos corretamente.

É fundamental escolher um profissional experiente e altamente treinado para realizar o procedimento, haja vista que é a melhor forma de evitar com que esse problema ocorra.

Rejeição e cicatrização

Assim como acontece com qualquer piercing, existe a possibilidade de rejeição, onde o corpo tenta “expulsar” a joia.

Além disso, a área íntima pode levar mais tempo para cicatrizar em comparação a outras áreas do corpo , algo que pode ser um problema.

Além disso, o piercing íntimo também pode ser mais suscetível à formação de queloides, que são cicatrizes elevadas que podem se formar ao redor do piercing.

Complicações sexuais

A depender do tipo e da localização do piercing, ele pode causar desconforto durante a atividade sexual.

Em alguns casos, pode até levar à perda de sensibilidade. Então, não deixe de discutir esses possíveis riscos com um profissional antes de decidir fazer um piercing íntimo.

É fundamental lembrar que, embora existam riscos, a maioria das pessoas que faz um piercing íntimo não experimenta problemas sérios.

A chave é estar ciente desses riscos, tomar uma decisão informada e escolher um profissional experiente para fazer o procedimento.

Curtiu esse post? Compartilhe com amigos

Obrigado e até a próxima!

Para entrar em contato com a Visão Tattoo, visite o Instagram @visao_tattoo e envie uma mensagem direta para orçamentos, agendamentos e perguntas.

Gilson Rodrigues de Siqueira
Gilson Rodrigues de Siqueirahttps://visaotattoo.com.br/
Formado em enfermagem, pós graduado, palestrante em dependência química, diretor e proprietário da Brasil Emergências Médicas, Visão Tattoo e escritor nas horas vagas.

Mais desse autor

Mais Recentes

Collab com o tattoo2me: Saiba tudo para fazer posts de sucesso em colaboração com o tattoo2me

Coisas importantes e muito sinceras para você que vai fazer collab com o tattoo2me:

Kessy Borges: Uma Estrela Brilhante no Universo da Tatuagem

Uma Viagem Artística da Tatuagem do Espírito Santo para o resto do Mundo

O Básico que você precisa fazer no seu instagram como tatuador ou tatuadora:

Sua arte merece ser vista e valorizada, então vamos cuidar dessa vitrine com o carinho que ela merece, combinado?

Publicidade

Mais Populares

Queloide ou granuloma? Entenda a diferença!

Apareceu uma bolinha no seu piercing? Se sim, a primeira coisa que vem à nossa mente é a tão temida queloide. Mas, na maioria das vezes, o caso se trata de um granuloma.

O significado da tatuagem de borboleta

Pra você que ama esse animal da nossa fauna e flora, vem ver qual o significado da tatuagem de borboleta carrega em seus desenhos! Você vai se surpreender!

84 inspirações de tatuagens femininas

As tatuagens mais lindas que você vai ver hoje, e tudo isso para te inspirar na sua próxima tattoo.