A importância da tatuagem para a autoestima

Mais do que um desenho ou uma frase marcados com tinta permanente no corpo, o significado da tatuagem vai muito além

-

Mais do que um desenho ou uma frase marcados com tinta permanente no corpo, o significado da tatuagem vai muito além

A tatuagem já foi símbolo de rebeldia, e era associada a uma determinada tribo. Ainda hoje, na verdade, ela é vista com algum preconceito, principalmente no ambiente corporativo. Mas essa realidade vem mudando aos poucos, já que cada vez mais pessoas têm buscado na tatuagem uma maneira de guardar uma lembrança, seja de uma pessoa ou de uma viagem, por exemplo.

Tatuagem e a autoestima da mulher

Mais do que um desenho ou uma frase marcados com tinta permanente no corpo, o significado da tatuagem vai muito além. Em alguns casos, ela está associada ao aumento da autoestima de uma pessoa, principalmente do público feminino. É a conclusão a que chegou uma pesquisa da Universidade Texas Tech, nos Estados Unidos. Mulheres que tinham pelo menos quatro tatuagens demonstravam ter um maior nível de amor próprio.

Desde um pequeno desenho até um braço totalmente fechado, as mulheres têm se empoderado – para usar uma palavra importante no contexto atual – cada vez mais com a ajuda das tatuagens. É um meio pelo qual elas têm aceitado seus corpos, suas marcas, suas características pessoais. Uma frase que está profundamente conforme os seus valores mais profundos e que lhes ajuda a se aceitar, um símbolo que signifique algo que elas amem verdadeiramente, ou um desenho que as represente.

Combertura de cicatrizes

Isso é bastante verdadeiro nos casos em que a tatuagem serve para cobrir uma cicatriz. Uma marca desse tipo no corpo pode interferir na autoestima e na segurança de uma mulher, principalmente quando está em uma parte visível do corpo. Nesses casos, a tatuagem é um recurso, e pode ser utilizada para cobrir completamente a marca ou pode adquirir uma pegada mais criativa, incorporando a própria imperfeição no desenho.

Arte contra traumas do passado

Na pesquisa mencionada anteriormente, os pesquisadores também descobriram que as mulheres que tinham um maior nível de amor próprio tinham igualmente maiores níveis de depressão e pensamentos suicidas. Tal como as vítimas de traumas físicos adquirem tatuagens para restaurar perdas físicas, as mulheres do estudo podem estar tentando restaurar as perdas emocionais com as tatuagens.

A baixa autoestima e a insegurança não podem ser tratadas e curadas somente com uma tatuagem, é claro. Há tratamentos para isso, assim como inúmeras outras atividades que podem ajudar, como fazer pilates em casa. Mas a tatuagem tem se mostrado cada vez mais um poderoso recurso para ajudar mulheres a se aceitarem e a serem felizes consigo próprias.


Matérias recentes

Mais desse autor

Mais Recentes

Debby Mota: Um corpo livre em constante movimento

Conheça Debby Mota, artista especialista em artes afro e indígenas.

A Ciência por trás do processo de tatuar

Como o pigmento é um corpo estranho para o nosso organismo, ele pode causar reação alérgica ou não, saiba mais aqui!

Lugares mais doloridos do corpo

Os níveis de dores podem ser diferentes para cada organismo, leia mais aqui!

Publicidade

Mais Populares

Queloide ou granuloma? Entenda a diferença!

Apareceu uma bolinha no seu piercing? Se sim, a primeira coisa que vem à nossa mente é a tão temida queloide. Mas, na maioria das vezes, o caso se trata de um granuloma.

O significado da tatuagem de borboleta

Pra você que ama esse animal da nossa fauna e flora, vem ver qual o significado da tatuagem de borboleta carrega em seus desenhos! Você vai se surpreender!

84 inspirações de tatuagens femininas

As tatuagens mais lindas que você vai ver hoje, e tudo isso para te inspirar na sua próxima tattoo.