A Tattooterapia de Priscilla Pessôa

A artista dividiu com a gente sua experiência em estar em diversos países do mundo e também contou sobre a tatuagem e seu ritual.

-

Priscilla Pessôa tem 28 anos e nasceu em Caxias do Sul, no Rio Grande do Sul, mas, com 18 anos, se mudou para Florianópolis. A artista, desde a infância, tem uma ligação íntima com o desenho.

“Meu primeiro sonho de criança foi ser desenhista. Eu amava desenhar e pintar livros de colorir. Me destacava por isso na escola, as professoras sempre elogiavam meus desenhos e nos trabalhos em grupo, a responsável pelas artes era sempre eu. Mas logo esse sonho foi se apagando à medida que, quando os adultos me perguntavam o que eu queria ser quando crescesse e eu respondia desenhista, eles me diziam que desenhista não era profissão e que desenhar “não coloca comida na mesa”. De tanto ouvir isso, encarei mais o desenho como um hobby e parei de acreditar no desenho como uma profissão. Às vezes, os adultos não tem noção dos sonhos que podem destruir quando trazem seus julgamentos e preconceitos para as crianças. Dou graças que consegui me reencontrar e redescobrir meus sonhos. Mas me pego pensando onde estaria hoje se simplesmente tivesse seguido acreditando em mim desde aquela época.”

Mas, entre sonhar em ser desenhista e se tornar tatuadora viajando o mundo com sua arte, Priscilla fez artesanato e desenhava camisas à mão com canetas de tecido.

“Minha marca de camisetas se chamava Mandala Mística, e eu fazia muitos desenhos espirituais, místicos, que envolviam a natureza, geometrias sagradas e o sagrado feminino. Muitos dos amigos e clientes que compravam minhas camisetas falavam que eu tinha traço pra tattoo e que se um dia resolvesse começar a tatuar, queriam ser meus cobaias. De tanto ouvir isso, e também com vontade de ir mais além, me encorajei e comprei meus materias, dando início a um sonho que eu nem imaginava que era meu.
Fiz minha primeira tatuagem em Dezembro de 2016. Comecei tatuando amigos, treinando com a máquina e com acompanhamento de um ex companheiro. Comecei a tatuar mais à partir de abril de 2017, quando comprei meus próprios materiais e fiz cursos profissionalizantes.”

Atualmente, a artista desenvolve seus trabalhos em Blackwork e faz uso de tinta e sombreados pretos e cinzas e abrangendo técnicas de Dotwork, Fineline, Boldline, sombreado de efeito e Sculpline.
Priscilla é muito procurada para fazer florais e mandalas de linha fina e pontilhismo, e tatuagens delicadas em geral.
Além disso, a artista possui seu próprio ritual na construção de uma tatuagem. Ritual esse que ela batizou de Tattooterapia:

Tattooterapia é um rito de passagem, onde estamos trazendo pro nosso corpo, uma marca de vida que ficará estampada eternamente na nossa história.
Muitas pessoas veem a tatuagem de forma banalizada, escolhem o desenho mais clichê no tatuador mais barato e nem um ano depois já estão arrependidas. Eu não consigo acreditar nesse tipo de trabalho, pra mim a tatuagem é realmente um rito a ser respeitado, pois estamos escolhendo uma arte para ser levada junto com nós para todos os lugares.
Por isso, gosto muito de conversar previamente com meus clientes antes da tattoo, conhecer sua história e a intenção do que quer passar pro seu corpo. Se é uma história que tem por trás, se é uma arte que vai te fazer sentir mais bonita, se é uma homenagem a alguém, se é a correção de uma marca ou cicatriz, enfim, que seja feita da forma mais conectada, amorosa e elevada.
E por isso trago pro nosso ritual da tattoo a energia do reiki, dos cristais e do tarot, para que tenhamos uma sessão memorável de muita presença!
Antes de receber meus clientes lavo o chão do atelier com as 7 ervas de proteção: alecrim, arruda, comigo ninguém pode, espada de são Jorge, Guiné, manjericão e pimenta.Também passo Palo Santo no atelier e faço os 4 símbolos do reiki nos 4 cantos da sala, que é repleta de cristais que são semanalmente banhados na água do mar. Vejo o “La Loba Atelier” como um portal, e a cada portal temos que fazer um ritual de abertura e de fechamento. A energização do La Loba já é esse portal de abertura.
Logo que o cliente chega gosto sempre de oferecer um chá, pois eles tem uma propriedade calmante e já faz a pessoa se sentir mais à vontade. Então mostro o projeto inicial que já foi pré-criado conforme o que o cliente já tinha explicado no e-mail de agendamento e, juntos, fazemos mudanças e detalhes finais até que chegue exatamente naquilo que o cliente deseja. Nesse momento, já vamos conversando, entrosando e nos conhecendo melhor.
Finalizada a arte, enquanto eu preparo o stencil da tattoo, deixo o cliente a vontade para que escolha uma cartinha no horáculo dos anjos e já se conectar com o guia dessa tattoo.
Aplicamos o stencil e enquanto o stencil seca, iniciamos nosso ritual.
Primeiramente, eu faço uma radiestesia no cliente e com minhas varinhas consigo ver quais chakras estão abertos e quais estão fechados para assim trabalharmos mais aqueles que estão fechados na hora do reiki e abrir todos os caminhos para a nossa sessão.
Ao som de mantras, sons da natureza e frequências vibracionais de amor, prosperidade e cura, damos início ao ritual do reiki, onde o cliente deita na maca, fecha os olhos, se conecta com sua respiração e simplesmente relaxa para receber a energia de cura do universo que é transmitida através de minhas mãos como um canal. As sessões de reiki duram entre 30min e 1h, depende do que for necessário no momento para que todos os chakras se abram e assim o cliente e eu fiquemos alinhados para receber e fazer a tattoo. Finalizado o ritual, refazemos a radiestesia, comprovamos a abertura de todos os chakras e dividimos um pouco das sensações dessa experiência, para enfim, dar início ao rito da tattoo. É muito lindo, pois simplesmente todos os clientes que participaram dessa experiência, relatam terem ficado muito mais relaxados e sentido muito menos dor após o reiki. Seguimos tatuando ao som de mantras e muito conectados com a respiração. Podemos conversar durante a tattoo, mas eu prefiro ficar em silêncio concentrada nos mantras.
Ao final, podemos tirar umas cartinhas de tarot para finalizar nosso ritual, e compartilhar os aprendizados atuais e o que pode estar por vir.
E quando o cliente se vai, a limpeza do atelier é feita e novamente se passa o banho de ervas no chão, o palo santo e os símbolos do reiki, fazendo assim o fechamento desse portal.”

Entre os desenhos que a artista mais gosta de tatuar, estão: mulheres místicas, florais, mandalas, geometrias sagradas e símbolos espirituais.

“Me inspiro muito nos contos do livro Mulheres que correm com os lobos para criar minhas personagens.”

Priscilla tem se aventurado pelo mundo: ao todo, passou por 12 países. Este ano, já esteve em países da Europa e da Ásia.

“Mesmo conhecendo diversas cidades ao longo dos 12 países que já passei, pra mim o melhor lugar do mundo é Floripa. Foi nessa ilha que me reencontrei, que me reconectei comigo mesma, com minha missão de vida e com o todo. Foi admirando a natureza de Floripa que percebi que todos somos um só, que me reconectei com minha espiritualidade de uma forma mais profunda. Na ilha da magia, deixei de ser menina e me tornei mulher, bruxa, loba, e também senhora do mundo.
Sair do Brasil e tatuar na Europa foi um grande passo que dei na vida, onde precisei de muita coragem para acreditar em mim e sair da zona de conforto que tinha construído em Florianópolis.
Em Floripa, e também quando faço guest em outras capitais como São Paulo e Porto Alegre, sempre atendo com hora marcada, com as artes previamente combinadas. E em Lisboa, foi a primeira experiência que tive em trabalhar atendendo a walkins- aqueles clientes, normalmente turistas, que estão passando e resolvem fazer uma tatuagem na hora. Consegui tatuar em um dos estúdios mais conhecidos de Lisboa, o Queens of Hearts, na Lx Factor, e ali eles me pediram para também atender aos walkins. No primeiro dia, eu tremia de medo, parecia que estava fazendo a minha primeira tattoo da vida!
Conversando em inglês, com uma cliente da Áustria que eu mal sabia pronunciar o nome, e saindo completamente do ambiente do meu ritual. Então eu fechei os olhos, respirei, e conversei com minha criança interior, falei pra ela: “vai lá, você consegue. Você pediu pra sair da sua zona de conforto e viver essa aventura, agora confia”, e então eu me acalmei e a tattoo ficou linda! E assim vivenciei uma semana tatuando em Lisboa, foi uma experiência incrível, conheci ótimos profissionais e me senti muito bem recebida. O que achei diferente é que o estúdio não dava tanta ênfase para os trabalhos autorais, mas sim pra uma cena mais comercial. Não é tanto a minha vibe, mas foi uma experiência que me engrandeceu muito como profissional, pois vejo que na nossa profissão também temos que aprender a ser versáteis e dançar conforme a música!
Em Porto e Ericeira, voltei um pouco mais pra minha zona de conforto e atendi clientes com hora marcada. Tive duas clientes que nem moravam no Porto e viajaram de outras cidades do interior de Portugal para tatuar comigo, foi muito gratificante! E pensar que eu saí do Brasil sem a certeza de que conseguiria ter clientes! Tive trocas muito especiais com os donos desses estúdios, compartilhamos vivências e ensinamentos e sei que tenho portas abertas para voltar sempre que quiser.
Na Espanha, tatuei em um estúdio super conhecido em Barcelona, o BCN Ink. Ali, também rola uma cena bem comercial, atendi muitos walkins, mas também consegui muitos agendamentos de tatuagens autorais através da divulgação no Instagram, o estúdio também ajudou a me divulgar bastante e trabalhei muito! Foi maravilhoso, conheci profissionais incríveis, e fiquei super atiçada para começar a tatuar o estilo Neotradicional. Conheci artistas muito bons da área e fiquei com muita vontade de voltar e aprender mais com eles. Em Janeiro de 2020, entre os dias 15 e 25, farei mais uma temporada de tattoos em Barcelona, lugar onde já me sinto em casa!
Quando acabou nosso visto de turistas de 03 meses na Europa, eu e meu companheiro decidimos ir para a Tailândia, passar um tempo na natureza e fazer nosso primeiro mergulho. Na Tailândia, tatuei apenas amigos que conheci, não fiz guest em nenhum estúdio porque também não era esse o meu foco, mas visitei alguns estúdios- aliás, são muitos, tem um estúdio a cada esquina- e percebi que a cena de lá são as tatuagens feitas com bambu. São mais superficiais, e demoram menos tempo para sarar, o que é uma ótima opção pra quem não quer ficar muito tempo sem praia, por exemplo. A maioria dos tatuadores também não se liga na cena dos desenhos autorais, a grande parte dos estúdios deixa um álbum na frente cheio de impressões do Pinterest e de tatuagens feitas por outros artistas.
Fiz passagens curtas pela Malásia e por Singapura, e são pouquíssimas as pessoas que são tatuadas por lá. Os estúdios são mais escondidos e focados mais para turistas do que para pessoas locais. Na Malásia, por ser um país predominantemente muçulmano, me sentia até um pouco alienígena com minhas tatuagens, todo mundo fica olhando e parecem não gostar muito do que veem.
No momento, por exemplo, estou em Filipinas, cheguei a pouco e ainda não visitei nenhum estúdio, mas percebi que os locais daqui gostam de tatuagem. Nas duas imigrações que passamos, os policiais ficaram super elogiando as tattoos que fiz no meu namorado e quando ele dizia que tinha sido eu ficaram pedindo para eu tatuar eles- hehehe! Numa próxima volto pra cá para trabalhar um pouco.
Outro país de destino, onde fiz guest, foi a Indonésia. Do dia 10 ao dia 20 de Dezembro tive o prazer de tatuar no Karma House Templo Tattoo: Um estúdio que se diz templo e também realiza rituais pré-tatuagem. É como se fosse um retorno ao lar, só que do outro lado do mundo!
Os tatuadores que mais admiro na vida t.radz e tritoan_7th já fizeram passagem por lá e agora foi a minha vez de ter essa experiência e deixar minha marca por Bali, foi incrível!

Ufa! É uma aventura e tanto acompanhar a artista. Se você quer conferir mais trabalhos dela ou saber por quais lugares ela anda, não deixa de segui-la em suas redes sociais. Priscilla mostra fotos incríveis de cada país e cidade mágica desse mundo. A artista compartilha, ainda, em vídeos, suas experiências por cada um desses lugares. Aproveita que a artista ainda tem muito a explorar por aí e nos mostrar. Em Março, Priscilla volta ao Brasil, mais precisamente para Floripa. Então, se joga nessa aventura com ela:

Login * Instagram
Welcome back to Instagram. Sign in to check out what your friends, family & interests have been capturing & sharing…www.instagram.com

Priscilla volta ao Brasil com a bagagem cheia de histórias, tatuagens e experiências:

“É essencial seguir confiando e acreditando nos próximos passos da caminhada. Julgamentos sempre terão, desafios vão surgir, provações vão aparecer, a dualidade pode vir te tentar, os medos vão ser provocados, mas se você tem firmeza nos teus sonhos e dá o melhor de ti pra seguir na sua missão, todas as dificuldades se tornarão aprendizados, e toda a alegria se tornará uma história feliz. Trago comigo a vontade de aprender mais, de conhecer mais, de me permitir cada vez mais. Trago comigo a confiança de que posso sempre buscar ser uma próxima e melhor versão de mim mesma.”


Oi! Você ainda está aí?
Compartilha o nosso texto, vai! E não deixa de contar a história da sua tattoo pra gente aqui nos comentários.

E para encontrar o artista ideal para a sua tattoo, acesse o nosso site:
tattoo2me.com e digite sua cidade!

E nossos perfis no Instagram são atualizados de 3 em 3 horas:

Tattoo2us e Tattoo2me

Avatar
Fernanda Moraeshttps://blog.tattoo2me.com
Editora no Tattoo2me Magazine. Mãe do Zion e Jornalista, às vezes. Cultura Periférica, Indústria Cultural e Tatuagem.

Mais desse autor

Mais Recentes

Tatuagens na Costela: vem ver essas ideias!

As tatuagens na Costela não são novidade e causam até um certo arrepio por conta da dor, não é? Mas essas inspirações vão fazer você querer a sua tattoo agora mesmo!

Tatuagens no ombro: como não se apaixonar?

As tatuagens no ombro estão com tudo! É muita ideia e muita inspiração para quem ama tatuagem nessa área do corpo.

Tatuagens no braço, antebraço e pulsos para te inspirar!

Além de estilos, significado de desenhos e histórias da tatuagem, algumas partes do corpo são muito buscadas, é o caso das tatuagens no braço!

Publicidade

Mais Populares

Tatuagem e doação de sangue, tudo que você precisa saber.

Quem tem tatuagem pode doar sangue? Saiba tudo sobre a doação de sangue.

Como cuidar da cicatrização da tatuagem

Confira nossas dicas para garantir sua tatuagem perfeita.

30 tatuagens em homenagem as mães e filhos.

Aquela lista que você não pediu, mas fizemos para falar de amor incondicional: tatuagens em homenagem as mães e filhos!