As mulheres tatuadas super poderosas

Para tudo pessoal, hoje eu vou falar de um tema muito importante, que é o reconhecimento da MULHER dentro do mundo da Tatuagem em âmbito de…

-

Para tudo, pessoal!
Hoje, eu vou falar de um tema muito importante: o reconhecimento da MULHER dentro do mundo da Tatuagem. Vamos falar sobre empoderamento feminino, preconceito e sonhos…
E por falar em sonhos, pode parecer clichê, mas tem tudo a ver com a nossa matéria.
Era uma vez… a história das meninas que brincavam de bonecas, usavam vestidinhos rosa e lacinhos desejando encontrar um príncipe quando adquirissem a idade certa para viver o “feliz para sempre”. Mas o que acontece é que esse desejo está sendo desconstruído com muita luta através da independência feminina.
Elas estão em todos os lugares e gostam de Rock, sim, bebê! Ou de Funk… e do que mais elas optarem!
Elas podem- Ah, se podem!- mas o que elas amam é poder contar suas próprias histórias. E quando as histórias envolvem tatuagem, então… ❤

Essas mulheres que se tornaram, hoje, SUPER TATUADAS, com modificações corporais, piercings, cabelos de diferentes cores e cortes, vieram para ficar e, principalmente, porque elas vestem ATITUDE e esbanjam isso com muita força e determinação para se libertarem dos preconceitos e da cultura de serem PADRONIZADAS.

Eu, Maurício, tive a honra de conhecer muitas mulheres dentro e fora das convenções de tatuagem. Sejam elas TATUADORAS, BODY PIERCERS, MISS TATTOOS, enfim, mulheres engajadas em representar ARTE sem desconstruir quem são de verdade.

Quero compartilhar com vocês a fala de algumas destas mulheres, musas inspiradoras, que tive o prazer de conhecer:

COM VOCÊS… ELAS!

Aline Cândido, a “Nini”.

Nini é, hoje, uma das mulheres que mais apresenta títulos no quesito beleza e tatuagem, ou seja, muita representatividade. Ela tem 32 anos, é casada, mãe, empresária e já foi capa de inúmeras revistas nacionais e internacionais, além de estampar outdoors por aí. Musa de uma marca de cerveja, já apareceu em muitos programas de TV e Rádio, “está em todos os lugares” como bem diz o slaogan de uma das convenções de tatuagem que promove, anualmente, na cidade de Lages, em Santa Catarina. Cidade, inclusive, onde nasceu e reside. Leonina e extremamente vaidosa, Nini acredita que “sua luta pelas mulheres tatuadas nunca foi nem será em vão”.

Assista essa entrevista exclusiva com Nini Cândido:

Para conhecer um pouco mais da nossa musa, acompanhe suas redes sociais:
Instagram
Facebook


Melissa Ferraz

Melissa tem 26 anos, empresária, tatuadora, body piercer, é casada e já estampou algumas capas de revistas, além de possuir grandes títulos no mundo da tatuagem. Nossa musa tem quase 100% do corpo tatuado!

Melissa também tem a língua bifurcada e participou de grandes concursos de beleza: foi capa de algumas revistas e recentemente foi vencedora do concurso Miss TattooWeek 2018, em São Paulo. A bela é natural de Assis, interior de São Paulo onde reside, e não mudaria nada em sua vida, acredita que “as pessoas tatuadas tem as melhores índoles pois são livres de preconceitos com o próprio corpo e que as mulheres tatuadas são ainda mais lindas e mais fortes”.

Veja a nossa entrevista com a musa:

Curtiu? Então veja mais da Melissa em suas redes sociais:
Instagram
Facebook


Jessica Soares, a “Jezz Soares”

Jezz é uma verdadeira boneca tatuada!
Ela tem 27 anos, é natural de Rolândia, no Paraná, mas fazem 3 anos que vive na cidade de Curitiba com seus três filhos e seu marido. Essa mina é muito simpática, esbanja beleza e muito estilo, tem muito amor por maquiagem e tatuagens, claro! Se considera uma mulher alternativa, já trabalhou como body piercer, tem títulos em alguns concursos de beleza, é modelo de marcas de roupas street style por representar muito bem a cultura periférica e o Rap, que é sua grande paixão.
Jezz acredita que “suas tatuagens mostram quem ela realmente é e que as mulheres precisam experimentar tatuar-se e se livrar das correntes que as aprisionam”.

Conheça um pouco mais sobre a Jezz:

E tem mais Jezz Soares em suas redes sociais:
Instagram
Facebook
Youtube


Da minha parte, foi incrível entrevistar essas mulheres, espero que vocês também sintam-se inspirados, afinal a voz delas conta e muito!
E outras vozes também importam: se for para falar de amor, de luta pelos direitos e dar um basta no preconceito, ter tatuagem é só mais uma forma de amor que foi criada para estampar a nossa pele. Não acha?

Imagens feitas por mim ao término das entrevistas.

SOBRE O AUTOR:

Maurício Henrique, um nômade que adora viver novas experiências, que ama tatuagem e Beyoncé.
Quero o meu lugar ao sol e respeito ❤️????️‍????
Sigam no Instagram @maumauhm


Oi! Você ainda está aí?
Compartilha o nosso texto, vai! E não deixa de contar a história da sua tattoo pra gente aqui nos comentários.

E para encontrar o artista ideal para a sua tattoo, acesse o nosso site:
tattoo2me.com e digite sua cidade!

E nossos perfis no Instagram são atualizados de 3 em 3 horas:

Tattoo2us e Tattoo2me

Avatar
Maurício Henrique
Um nômade que adora viver novas experiências, que ama tatuagem e Beyoncé. Quero o meu lugar ao sol e respeito ❤️🏳️‍🌈 sigam no Instagram @maumauhm

Mais desse autor

Mais Recentes

Tatuagem Ritualística: você sabe o que é?

O que você sabe sobre a tatuagem ritualística? Nessa matéria, vamos te explicar tudo sobre esse assunto e ainda te apresentamos alguns desses rituais.

Tatuagens na Costela: vem ver essas ideias!

As tatuagens na Costela não são novidade e causam até um certo arrepio por conta da dor, não é? Mas essas inspirações vão fazer você querer a sua tattoo agora mesmo!

Tatuagens no ombro: como não se apaixonar?

As tatuagens no ombro estão com tudo! É muita ideia e muita inspiração para quem ama tatuagem nessa área do corpo.

Publicidade

Mais Populares

Tatuagem e doação de sangue, tudo que você precisa saber.

Quem tem tatuagem pode doar sangue? Saiba tudo sobre a doação de sangue.

Como cuidar da cicatrização da tatuagem

Confira nossas dicas para garantir sua tatuagem perfeita.

30 tatuagens em homenagem as mães e filhos.

Aquela lista que você não pediu, mas fizemos para falar de amor incondicional: tatuagens em homenagem as mães e filhos!