George Lange: O preto e cinza contrastado

O tatuador brasileiro George Lange, conta pra gente sobre seu estilo de trabalho em Preto e Cinza e fala sobre a criação de suas artes.

-

Natural de Dourados, no Mato Grosso do Sul, George Lange tem 26 anos e há quase 8 é tatuador. O artista se especializou no Realismo em Preto e Cinza ao longo dos anos e, atualmente, aprimora suas técnicas nos Estados Unidos.
Nesse bate papo com George, iremos falar sobre seu estilo de trabalho, criação de cada arte, a relação com seus clientes e sua ida para os Estados Unidos.

“Desde o ano passado e este ano também, está sendo como um ano sabático: eu tirei para participar de algumas convenções de tatuagem, para fazer meu nome ao redor do mundo, como em Londres, Portugal, Estados Unidos e desejo ir para à Espanha, Itália e Japão logo mais. Desejo conhecer outros tatuadores, conversar, compartilhar conhecimentos, fazer bons amigos e, com certeza, melhorar meu inglês.
Ano passado, até, tive o prazer de ganhar uma convenção de tattoo nos Estados Unidos, como a melhor tattoo do evento, o que realmente significou muito pra mim!”

Antes disso, George Lange passou uma temporada em Porto Alegre, onde conheceu o também tatuador e seu mentor, Tony Vilella.

“Eu fiz todos os tipos de tatuagens até 2015. Mas finalmente encontrei meu próprio estilo. Procurando melhores oportunidades, eu e minha esposa, nos mudamos para Porto Alegre. Lá, conheci meu mentor, o Tony Vilella. Ele é um grande amigo e eu aprendi com ele muito do que sei. Com todos os conselhos e orientações de Tony, comecei a tentar novas idéias e desenvolvi minhas habilidades no estilo Preto e Cinza, e fiz isso em alguns amigos, dando-lhes tatuagens grátis por um ano. Tony me deu muitas dicas e técnicas e ele foi essencial para o meu desenvolvimento. Sou grato por todo o conhecimento que ganhei dele e de todos os amigos que fiz ao longo do tempo.”

Hoje, o artista define seu estilo de trabalho como Realismo em Preto e Cinza suave, com bastante contraste. E utiliza sombras suaves, poucas linhas, trabalha a profundidade e gosta de usar e trabalhar em várias texturas. Ele conta como acontece a grande mágica!

“O que gosto na tatuagem é como posso ser criativo, usar minhas idéias e transferi-las para projetos! Normalmente, o cliente me passas as ideais para a tatuagem e eu crio os projetos baseado no que o cliente pede, tento criar projetos originais, escolhendo elementos, tento ser criativo, como se trata de Realismo normalmente uso fotos com boa resolução nos meus projetos. Não sou adapto a cópias ou plágio, posso usar alguma tatuagem como referência, mas dou meu próprio toque, faço a minha releitura.
Faço esses projetos e envio ao cliente no dia que antecede a tatuagem para aprovação ou alteração, eles costumam me dar liberdade criativa e são bem tranquilos, em quase 100% dos casos acerto de primeiro o design. 
Agora, a questão das cópias é uma situação muito recorrente, comum. Eu tento ao máximo explicar que isso não é legal, ao menos no meu ponto de vista. Tem quem goste de ter a mesma tatuagem que outra pessoa, mas eu prefiro criar minhas próprias versões. Na verdade, quando o cliente vem com aquela ideia muito fixa e não é flexível para conversar ou fazermos alguns ajustes e dar aquele toque pessoal, eu, normalmente, passo para outro tatuador, pois eu gosto de estar confortável com o design e com os clientes, mas lido de forma tranquila. Cada um é cada um, e eu respeito, apenas não compactuo em usar ou fazer o mesmo design que outro artista levou tempo para fazer e criar.”

George Lange compartilha sua experiência com outros artistas e dá dicas:

“Quando comecei a tatuar, eu fazia todos os tipos de tatuagens, como linhas finas, cores, tribais, maori, polinésia, tatuagens orientais, etc. Mas eu não era muito bom com elas até que decidi ficar com Preto e Cinza. Eu fiquei com ele e comecei a ficar muito bom nisso. Eu gosto de tatuagens coloridas, mas sei que esse estilo não é para mim. Eu sou bom com Preto e Cinza, vou trabalhar com ele e fazer o melhor que puder. Faça tatuagem com amor. Ser artista é gratificante!”

CONHEÇA MAIS SOBRE O TRABALHO DO ARTISTA EM SEU INSTAGRAM!
  


CONTINUE NO BLOG…

Veja mais de 48 inspirações de tatuagem em Preto e Cinza.

Fernanda Moraeshttps://blog.tattoo2me.com
Editora no Tattoo2me Magazine. Mãe do Zion e Jornalista, às vezes. Cultura Periférica, Indústria Cultural e Tatuagem.

Mais desse autor

Mais Recentes

Debby Mota: Um corpo livre em constante movimento

Conheça Debby Mota, artista especialista em artes afro e indígenas.

A Ciência por trás do processo de tatuar

Como o pigmento é um corpo estranho para o nosso organismo, ele pode causar reação alérgica ou não, saiba mais aqui!

Lugares mais doloridos do corpo

Os níveis de dores podem ser diferentes para cada organismo, leia mais aqui!

Publicidade

Mais Populares

Queloide ou granuloma? Entenda a diferença!

Apareceu uma bolinha no seu piercing? Se sim, a primeira coisa que vem à nossa mente é a tão temida queloide. Mas, na maioria das vezes, o caso se trata de um granuloma.

O significado da tatuagem de borboleta

Pra você que ama esse animal da nossa fauna e flora, vem ver qual o significado da tatuagem de borboleta carrega em seus desenhos! Você vai se surpreender!

84 inspirações de tatuagens femininas

As tatuagens mais lindas que você vai ver hoje, e tudo isso para te inspirar na sua próxima tattoo.