Arte, Tatuagem Moderna e a Semana de 22

O que arte e a semana de 22 tem a ver com a nossa tatuagem moderna? Saiba agora nessa matéria incrível sobre o tema.

-

Antes de tudo, gostaria de iniciar este texto falando sobre o que é arte. A arte está muito relacionada com sensações e emoções de cada pessoa. Ela pode ser expressa tanto em pinturas e esculturas, quanto em dança, no cinema, em música e textos.
Temos uma linha do tempo que pode nos orientar sobre cada Escola Literária que passamos ao longo dos anos:

Trovadorismo – Aconteceu na Idade Média, séc XI. Baseou-se na literatura e na poesia;

Humanismo – Retratava o homem como centro do mundo sendo valorizado. É uma Escola que falava de religiosidade, mas focava na maior criação de Deus: a humanidade;

Classicismo – Causou uma reflexão na sociedade como um todo. Valorização da cultura greco-romana. Época de Sheakspeare se destaca na poesia lírica e no teatro;

Quinhentismo – São as cartas, crônicas e sermões da época de 1500, quando os portugueses se depararam com o Brasil;

Barroco – A recuperação da fé foi buscada por muitos artistas nesta Escola Literária, é muito comum encontrarmos imagens de esculturas cristãs desta época;

Arcadismo – Conexão do homem à natureza usando referências a respeito dela. Resgate da antiguidade clássica;

Romantismo – Valorização do romantismo e dos sentimentos, tanto amor quanto o sofrimento. Aumenta nesta época a liberdade de criar e de se conectar à fantasia;

Realismo – Movimento que critica o capitalismo e a valorização do dinheiro de forma extrema. Fala muito sobre o meio que o homem vive e que o meio afeta o indivíduo;

Naturalismo – Surgiu na época do Realismo, acredita que o homem faz parte do meio em que vive, porém a natureza se modifica de acordo com os incentivos que recebe. Retrata a comunidade pobre, o contrario do Realismo, retratando a comunidade rica;

Parnasianismo É uma contradição ao romantismo. Retrata a realidade de forma mais dura, sem enfeites. O autor analisa de forma imparcial e deixa de lado a emoção;

Simbolismo – Busca uma série de conceitos sociais, tais como a fé, a religião e crenças. Rebusca valores românticos, é lúdico, musicalidade com rimas ricas, busca a essência do ser humano;

Pré-Modernismo – Pode-se reconhecer uma tendência à quebra de padrões, porém os autores ainda encontram-se neste movimento muito engessados. É uma Escola que fica entre o conservadorismo e a renovação;

Modernismo – É a Escola com maior característica visível em seus acontecimentos. O Modernismo deu liberdade de criação aos artistas com um novo conceito artístico, tanto na música quanto nas artes plásticas e literatura. Era uma quebra dos padrões tradicionalistas para que arte seja liberdade de expressão;

Tendências Contemporâneas (Pós Modernismo) – Após 30 anos do fim da Ditadura Militar, o Movimento do Pós-Modernismo invadiu nosso cotidiano, trazendo críticas políticas e sociais por meio da arte. Vemos isso em músicas, textos tanto em livros quanto na internet e até mesmo nas ruas, por meio da arte urbana.

Podemos ver que o Modernismo mudou nossa visão sobre a arte em pouco tempo.

Em fevereiro de 1922, no Teatro Municipal de São Paulo, o Grupo dos Cinco, composto por Anita Malfatti, Tarsila do Amaral, Oswald de Andrade, Mario de Andrade e Menotti Del Picchia, liderou um movimento para que a arte brasileira tivesse o reconhecimento que merece.

Por muitos séculos o Brasil foi escravo das artes Européias, tanto é que o Teatro Municipal e grande parte da arquitetura de São Paulo no Centro Velho foi construído com referências do Continente Europeu. Apenas pessoas ricas poderiam adentrar aos portões do Teatro Municipal. Logo, a arte era escassa para a população pobre.

A ideia era que nossas brasilidades fossem reconhecidas nesta época, afinal, temos até hoje uma infinidade de artistas brasileiros que merecem tanto reconhecimento quanto os artistas de fora do país!

Com o tempo, após a Ditadura, o povo foi afrouxando suas rigorosidades e a tatuagem também está começando a ser aceita na sociedade, após 30 anos do fim da repressão.

Visto que arte é a representação de sentimentos, tanto do artista quanto do receptor da arte, podemos dizer que arte é aquilo tudo o que amamos? Se sim, um tatuador que estuda, se dedica e cria algo de acordo com seus sonhos e objetivos, podemos, sim, chamar de arte! E, por mais que um tatuador somente pense em dinheiro e realize uma cópia (temos também um texto sobre Direitos Autorais aqui), para o cliente, aquele desenho representará algo de suma importância na sua vida. Por mais que para o tatuador, não seja mais do que a prática do capitalismo naquele momento, para o cliente, aquele desenho representa muita coisa. Logo, também pode ser chamado de arte!

Deixo, aqui, duas artes de duas artistas plásticas da Semana da Arte Moderna para que reflitamos sobre o que cada uma quis passar nestas telas e percebamos que, naquele momento, para elas, algum sentimento foi posto nas imagens.


CONTINUE NO BLOG…

Artes corporais: Descubra o transcender
Arte no isolamento social: você já apoiou um artista hoje?
Arte digital: cada vez mais presente em nossas vidas

Avatar
Capittoo
Formada em Letras, tatuadora e bodypiercer do Organika Tattoo (Jardins e Morumb, SP), ilustradora e fazedora de story do Instagram.

Mais desse autor

Mais Recentes

Tatuagens na Costela: vem ver essas ideias!

As tatuagens na Costela não são novidade e causam até um certo arrepio por conta da dor, não é? Mas essas inspirações vão fazer você querer a sua tattoo agora mesmo!

Tatuagens no ombro: como não se apaixonar?

As tatuagens no ombro estão com tudo! É muita ideia e muita inspiração para quem ama tatuagem nessa área do corpo.

Tatuagens no braço, antebraço e pulsos para te inspirar!

Além de estilos, significado de desenhos e histórias da tatuagem, algumas partes do corpo são muito buscadas, é o caso das tatuagens no braço!

Publicidade

Mais Populares

Tatuagem e doação de sangue, tudo que você precisa saber.

Quem tem tatuagem pode doar sangue? Saiba tudo sobre a doação de sangue.

Como cuidar da cicatrização da tatuagem

Confira nossas dicas para garantir sua tatuagem perfeita.

30 tatuagens em homenagem as mães e filhos.

Aquela lista que você não pediu, mas fizemos para falar de amor incondicional: tatuagens em homenagem as mães e filhos!